Seja bem-vindo
Paracatu,12/06/2024

  • A +
  • A -
Publicidade

Há quase 40 dias sem chuva, milho e sorgo sofrem perdas em Paracatu

Segundo produtor rural local, olhando para as perdas, custos de produção e preços de venda do sorgo e do milho, as contas não vão fechar

Notícias Agrícolas
Há quase 40 dias sem chuva, milho e sorgo sofrem perdas em Paracatu SECOM

De acordo com o produtor rural de Paracatu, em Minas Gerais, João Luiz Pinton, há exatos 39 dias não chove no Município. Esta seca duradoura já causa perdas irreversíveis tanto para o sorgo quanto para o milho segunda safra. 

Ele explica que, aqueçes produtores que acabaram fazendo o plantio da safrinha mais cedo, vão ter uma produtividade melhor, seja pela janela de semeadura, em que as plantas se desenvolveram melhor antes da seca extrema, e também pelo investimento. Já o milho e o sorgo tardios vão ter maiores quebras. 

"O milho que foi plantado primeiro deve ter uma perda em torno de 20%, enquanto o milho do tarde deve ter uma quebra de 80%. Tem produtor que vai ficar só com a palhada. Já o sorgo, quem plantou mais tarde, também deve ter uma quebra de cerca de 20% na média de produtividade", disse.

Independente de quem plantou mais tarde ou mais cedo, Pinton destaca que, olhando para as perdas, preço de venda dos grãos e custos de produção, a conta não vai fechar.






Buscar

Alterar Local

Anuncie Aqui

Escolha abaixo onde deseja anunciar.

Efetue o Login

Recuperar Senha

Baixe o Nosso Aplicativo!

Tenha todas as novidades na palma da sua mão.